Lições do Mar Morto

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Lições do Mar Morto – Lição 16

Eu Sou aqui contigo agora, vendo-te e amando-te.


Jesus:

Quando menos me esperas, Eu Sou aqui, e vejo quem Tu és. Vê a minha Visão Sagrada e sabe que é tua. É o primeiro passo na busca exterior de quem acreditas ser, e de que vês o que é real. O teu conhecimento de que eu posso Ver Verdadeiramente é a tua aceitação de que isso é possível. Tu sabes que qualquer coisa que seja possível para mim é real para ti também, porque há um lugar profundo dentro de ti que não esqueceu o que é verdade. Percebes, então, como ter noção da minha Visão é suficiente para despoletar a tua própria?

Estende a tua mão para mim e sabe que a minha se estende para ti.

Quando eu te peço para saberes alguma coisa, é muito diferente de te pedir para acreditares nisso. Tu és aquele que acredita, mas agora eu chamo-te a ser Aquele que Sabe.

A Presença do EU SOU em Ti sabe quem tu és. Presta muita atenção porque eu estou a dar-te a chave para a Porta do Paraíso agora mesmo. Se a Presença do EU SOU em Ti sabe quem tu és, e tu és isso, então a liberdade já e tua. A Dádiva que dás a ti próprio é completa e finalmente recebida, e o Universo responde.


Irmão

posted by Nela at 14:39 1 comments

terça-feira, 27 de novembro de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 15

Eu vejo através dos meus olhos, assim como Eu Sou Visto.


Jesus:

Renasce em Mim assim como eu renasço em ti neste momento. Como é possível nós renascermos um no outro? Para o teu ego e para as suas crenças isto é impossível, mas para a Verdade em ti, isto é a única coisa que é real. Quando te peço para veres através dos meus olhos ou dos olhos do Despertado, eu não me separo de mim por ver através dos teus olhos. Esta é a única maneira de alcançar isto, dado que Ver tem que acontecer em todas as direcções.

Eu já disse antes que, quando tu vês a Verdade, a Verdade vê-te a ti. Entendes o que quero dizer com isto agora? Deus olha para aquilo que é eternamente amado por Deus, e o Amor devolve o olhar. Tu és esse Amor e não podes escapar aos seus efeitos. O meu objectivo é que pares de tentar.

É natural que tentes imitar alguém que já alcançou a Mestria tal como a definiste para ti. Mas o mestre também recorda quando estavam ainda a aprender e assim pode ajudar mais.

Eu recordo o tempo em que as ilusões ensombravam a minha mente e assim posso entender a tua confusão. Mas também há uma parte de ti que se relaciona comigo e com a minha mente Desperta. Esta relação aumentará conforme me imitares fazendo o que sugiro. Escapar do medo e de tudo o que vem com ele é tão simples como isso.


Irmão
posted by Nela at 19:53 0 comments

segunda-feira, 3 de setembro de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 14

Eu não vou virar as costas a quem Eu Sou, revelado através de mim agora.

Jesus:

Porque tentas virar as costas ao que nunca se virou contra ti? Podes não acreditar nisto, mas tu tens feito tudo o que é possível para provar que Deus está errado acerca de tudo, especialmente de ti. Porquê? Tu tens feito isto para provar que podes fazer desaparecer Deus e assim a separação parece ser real. No entanto, não tem efeito nenhum, e o teu reconhecimento disso é tudo o que tu precisas fazer.

Uma vez isso feito, os teus olhos abrir-se-ão e tu Verás tudo como realmente é. Então saberás que o que Eu Estou a dizer é verdade, e que tu não o podes mudar de maneira nenhuma.

Agradece a Deus por não teres capacidade para mudar o que é real, pois nesta verdade reside a tua salvação.

O teu corpo não tem nada que ver com o que eu estou tentando ensinar-te. Isto porque o teu corpo não é nada mais do que uma decisão que tu tomaste acerca do teu Eu Real, o qual tens tentado negar até agora. Conforme a tua negação se desvanece, o teu corpo perde o seu propósito, e no entanto, outro começa a emergir. Agora o seu único propósito é partilhar o que aprendeu, que é livre, independentemente das supostas regras que parece observar. Há só uma regra a que obedecer agora, e é a regra do Amor. Tu és esse Amor, e Ele atravessa-te conforme vais lendo estas palavras.

Há uma parte de ti que reconhece e entende tudo o que digo. Se não fosses outra coisa senão Amor, então todas as questões desapareceriam na única resposta que significa realmente alguma coisa:

Tu não podes mudar quem realmente ÉS!

Irmão

posted by Nela at 09:37 0 comments

terça-feira, 7 de agosto de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 13

Eu não esperarei pela Luz de Deus, que não espera por mim.

Jesus:

Deus não espera pelo meu reconhecimento da Presença que não muda. Tu tens esperado, e assim fazendo, tem parecido que te manténs fora da Graça que foi reservada para ti antes do tempo começar. Tudo o que precisas fazer agora é mudar a tua mente e aceitar a Dádiva de Deus. Eu faço isso agora contigo e conforme o fazemos, recordamos quem somos juntos.

Nenhuma mudança real ocorreu quando mudaste a tua mente acerca daquilo que nunca foi real. Quando acordas de manhã e te apercebes que os teus sonhos são criações da tua mente, fazes mais do que tomar conhecimento dessa circunstância e continuar com a tua vida? O mesmo acontecerá quando te aperceberes que criaste tudo o que pareces ver, em desfavor do que pode ser Visto. Deus pede-te que realinhes a tua Mente Sagrada com a Mente Sagrada do teu Criador; só então a percepção será curada e todas as tuas criações retornarão para onde começaram. Elas estão na tua mente agora, e por isso podes abençoá-las. Fazes isso agora e serás abençoado porque elas não estão separadas de ti.

Não esperes mais. O mundo inteiro espera a tua Sagrada Decisão. Tu não foste abandonado, e Deus pede-te para não abandonares o que criaste para ti.

Nesta lição, o único exercício que te dou é viveres aquilo que te é revelado pela tua Mente Sagrada. Lê as lições tantas vezes quantas puderes e deixa as suas mensagens serem derramadas no teu coração.

Irmão

posted by Nela at 15:28 1 comments

segunda-feira, 25 de junho de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 12 (Muito importante!)

Eu estou disposto a libertar todos os meus pensamentos em favor de uma realidade que a minha mente não consegue entender. Eu Sou livre Agora!

Jesus:

Tenta encarar todos os pensamentos que tens como um ponto de referência conceptual que te liga ao passado. O que te aconteceria se fosses separado de todas essas referências? Serias livre, e viverias cada momento como se fosse o único momento que tinhas para viver. Há ainda uma parte da tua mente que acredita que perderes o teu lugar no mundo conceptual significa que tu também estarias perdido. Eu digo-te que tu te encontrarias. Agora tudo o que tu precisas fazer é confiares em mim e continuar. Estás disposto a isto?

E como poderás continuar? Estás a ser chamado a viver fora dos teus pensamentos e conceitos, conhecendo-os pelo que eles são. E o que são eles? Não são nada mais do que a tua tentativa de reteres a eternidade através de uma ligação ao passado para tudo o que ele acredita ser real. O teu ego desenhou uma parede à sua volta e deu à separação um significado e um propósito que não tem. O único propósito que tem é manter a tua mente fragmentada e inconsciente de quem Realmente és. Agora é o momento de viveres! Entendes o que eu quero dizer? Pára de tentares entender o que eu estou a dizer e vive-o.

O teu único exercício hoje e para os próximos quatro dias é praticar o viver sem referências do passado. Eu não te posso dizer como fazer isto, mas o teu coração já o sabe. É a coisa mais natural do mundo.


Irmão
posted by Nela at 08:39 0 comments

sexta-feira, 1 de junho de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 11

Eu liberto todos os pensamentos e permito que a Luz da Verdade se instale no meu coração.

Jesus:

Não há nenhuma razão para a tua mente entender o que eu estou a tentar revelar. Os conceitos que Eu estou a oferecer estão para além dos habituais pensamentos, e portanto é julgado como irreal e inatingível. Nada disso é verdade. A Realidade parece igual, aos teus conceitos - irreal e inatingível. Por isso Eu digo-te – há uma razão para este nível de análise, uma que o teu coração compreende bem. Confia no teu coração, não na tua mente.

Eis o teste: Lê qualquer um destes textos e rende-te à necessidade de os entenderes intelectualmente. Simplesmente abre o teu coração e bebe deles como se fosse chuva a cair do Céu. Faz isto durante os próximos três dias. A tua alma receberá todas estas palavras como terra seca que está estéril e sedenta de vida. Algo novo brotará da superfície, uma vida que parecia impossível antes. Como é que isto te faz sentir? Se sentes alegria e liberdade, então é porque a tua mente não o compreende, e então estás pronto para saltar para a sua Radiância.

Fica fora da tua mente e aceita tudo o que te ofereço. Eu Sou teu irmão e só te conduzo onde tu realmente queres ir. Quando eu digo “onde tu realmente queres ir”, não me estou a referir ao que o teu ego detém, mas a essência em ti que Deus ama. O teu ego não quer ir a lado nenhum, antes prefere permanecer quieto dentro das suas más interpretações do mundo e de tudo o que vê. Eu vejo a Verdade em ti, e sei-a em mim porque fui eu que te dei esta dádiva. Dou-a continuamente porque o meu único desejo é continuamente sabê-la em mim. Imita-me, Bem-Amado, e saberás que já estás a caminhar ao meu lado.

Exercício: Volta atrás às lições anteriores e lê-as como mencionado acima, com o teu coração em vez de ser com a tua mente. Verifica que há uma mudança nas intuições que recebes.


Irmão
posted by Nela at 15:48 0 comments

quinta-feira, 24 de maio de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 10

Abençoado é o Momento Sagrado que eu descobri Agora.
Eu Sou presente e Eu Sou revelado.

Jesus:

Será possível que regozijares-te por este Momento seja a única coisa que te é pedida?
A tua alegria é a única coisa que não está completa; quando estiver, tu não procurarás mais nada fora de Ti, porque saberás que nada existe para além do que Deus criou como real. Abençoa este Momento, então, e honra-o como ele merece. O teu regozijo abre o portão final que parece bloquear o teu regresso ao Céu. Permite que este seja o Instante Sagrado em que todas as sombras desaparecem, para sempre substituídas pela Luz que nunca se dissipa e pela Graça que nunca desce em direcção ao que não é real.

Tu és Aquele por quem tens esperado. Está dentro de ti Agora, e o seu chamamento veio como um raio. É por isso que nós estamos juntos, porque não há mais tempo a perder. Enquanto pensaste que o tempo era real usaste-o sem sabedoria, mas agora tudo isso mudou. Com o reconhecimento da Realidade, que é o teu reconhecimento agora, vem a responsabilidade que o mundo nunca poderá compreender. O tempo não é o obstáculo – as sombras é que o são. Olha para elas pelo que elas são e elas desaparecerão para sempre. Nessa altura, a tua Presença preencherá o espaço vazio que pensavas ter existido, e saberás, tal como eu sei, que Eu Sou presente agora.

Diz alto:

O tempo é uma ilusão que eu criei na minha mente, e eu dou permissão para a sua libertação.

Procurarei só a Presença que não pode mudar, uma vez que não há nada que possa dividir o que foi criado Uno.

Eu digo SIM, e SIM será onde quer que eu vá.


Irmão
posted by Nela at 08:40 0 comments

quarta-feira, 16 de maio de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 9

A Paz é revelada através de mim.
Eu não preciso buscá-la, porque ela me encontrou.

Jesus:

O único desejo do Espírito é recordar-te o que é a Verdade, e o que não pode mudar em ti. Assim que essa Verdade é restabelecida na tua Mente Sagrada, o seu único propósito é SER essa Verdade em todas as situações.

Tu estás aqui e agora para descobrires que o teu papel e o do Espírito são o mesmo. Por outras palavras, tu estás aqui para te recordares do que é Verdade, e para te VERES a ti próprio como Deus te VÊ. Assim fazendo, apercebes-te que a Vontade de Deus não está separada da tua, e que a missão do Espírito Santo e a tua são a mesma. Então, caminharás pela terra completamente realizado, e saberás quem és.

Eis a única coisa que eu escolhi ensinar-te: isto não é nada que te acontecerá no futuro. É Verdade neste momento, independentemente do teu conhecimento. A paz está a ser revelada agora através de ti, embora estejas a dormir e não estejas consciente da dádiva de Deus que não pode ser-te tirada. Não precisas de a procurar, porque nunca a perdeste de vista.

Apercebeste-te do que isto significa? Significa que tu és livre AGORA, e nada pode alterar a tua liberdade. De que estás à espera então? Que permissão, que não a tua própria, precisas para entrar no Quarto Sagrado que foi preparado para ti antes do tempo começar? Diz “SIM” e será tua. Segura a tua mão e a própria Eternidade virá a ti. Então atravessarás a ponte que parece separar-te da tua Casa, e jamais te perderás outra vez.

Pára de procurar a Luz, e irás Vê-La. E quem te verá a Ti? Responde por ti a esta pergunta, e tem a certeza de que o que disseres é Verdade. Então saberás o que eu sei.

Diz alto:

“Eu escondi-me de ti, mas agora revelo-me. Não há nenhuma razão para me esconder, por que o teu amor fez-me livre. EU SOU aqui e agora, e aceitarei todas as dádivas que são minhas.".

Irmão
posted by Nela at 13:35 0 comments

quinta-feira, 10 de maio de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 8

A Realidade é revelada através da minha Mente Sagrada.
Conforme me abro para a Luz, todas as sombras desaparecem.

Jesus:

Seria um erro acreditar que a Realidade pode ser revelada a ti. Se tu és um com tudo o que existe, e se a realidade nunca pode mudar, então o oposto tem que ser verdade. A Realidade é revelada através de ti, e preenche tudo o que tu percepcionas. O próximo passo é aperceberes-te que não há nada que tu possas percepcionar que não seja real.

Quais são então as ilusões que tu pareces ver? Elas não são nada, assim como as sombras não são mais do que a manifestação da luz não revelada. No momento em que percebas, não com o teu intelecto mas com o teu Eu, que o que eu estou a dizer é verdade, então tu viverás aquilo a que chamas “Iluminação”.

O que se move através de Deus, também se move através de ti. Consegues VER isso Agora? Permite que a tua mente liberte a sua prisão do que pensa ser real e simplesmente SÊ esta verdade. O Universo está a ser criado neste momento através de ti.

Nada parece mais improvável para o ego, e no entanto, nada é mais verdade para o teu Eu Sagrado.

Este curso não é mais do que um realinhamento com a Realidade, embora nenhuma mudança real ocorra. Tu não podes mudar a Verdade em ti mais do que podes tornar as ilusões reais. O teu “SIM” é tudo o que é pedido para isto se tornar claro.

Diz alto:

“Não há nada em mim que Deus não ame; assim eu ofereço esta dádiva a todos que encontrar hoje, sabendo que Eu Sou UM com a Luz Sagrada. Eu escolho VER o que é real, e permito que todas as sombras desapareçam.”.

Irmão

posted by Nela at 08:58 0 comments

segunda-feira, 7 de maio de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 7

Com os olhos bem abertos, eu percebo quem Eu Sou.

Jesus:

O percebido e quem percebe são o mesmo, mantidos em Eterno Equilíbrio.

É impossível olhar para alguma coisa e não teres a perfeição revelada. Tu moves-te agora na infinita expansão da Graça, embora inúmeras sombras pareçam rodear as tuas criações. Nega-as e elas ir-se-ão embora, por que a tua Mente Sagrada tem o poder de VER como Deus VÊ. É a escolha mais natural que tu podes fazer, embora ainda tenhas que a fazer. Escolha a VISÃO agora, e será tua.

Conforme te aproximas de experienciar esta realidade, os teus lábios movem-se e estas são as palavras que dizes a Deus:

“A Tua é a única Voz que eu escolho.”.

Di-las agora e sente a energia que contêm. Há, ainda, outro passo que te peço que dês, um passo que podemos dar juntos.

Escolhe agora esta oração ao Bem-Amado:

“A Tua é a única Voz. Escolheu-me.”.

É impossível para ti escolheres alguma coisa real, simplesmente porque a tua escolha não tem consequências. Imaginar isso significaria que tu tens o poder de mudar a Vontade de Deus, e a Vontade de Deus para ti é perfeição em si mesma. Só a Visão do Bem-Amado é real, embora tenhas criado um mundo inteiramente diferente que parece bem real.
Escolhe outra vez! Escolhe Ver o mundo através dos olhos que te foram dados e que não podem mudar. Então todas as sombras, que pareciam tão reais, desaparecerão por si, e tu recordarás a verdade de quem És.

Diz alto com grande convicção:

“Eu escolho Ver-me como Deus me vê AGORA! E escolho oferecer esta mesma dádiva a quem eu encontrar. Fazendo isto, eu receberei a Visão de Deus que sempre foi minha. Eu escolho isto hoje e sempre. Assim seja.
Eu posso cumprir a grande missão que me foi dada.”

Irmão
posted by Nela at 08:35 0 comments

segunda-feira, 30 de abril de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 6

Aquilo que foi revelado não existe.
O que está a ser revelado é agora o que Eu Sou.
O Eterno está em constante movimento e, no entanto, não vai a lado nenhum.


Jesus:

"O passado não é mais do que uma série de más percepções que tentaste tornar reais. Quando são reconhecidas como más percepções, a Realidade aparece repentinamente. Os eventos actuais parecem ter um propósito, mas é impossível separá-los do pensamento fundamental que manténs acerca de ti próprio, nomeadamente, que estás separado e sozinho. Enquanto este pensamento persistir na tua mente, não poderás VER nada.

A pergunta que precisas fazer a ti próprio é como pode alguma coisa estar em constante movimento e não ir a lado nenhum? Se eu te der a resposta a esta pergunta parecerá que ela veio algures de fora de ti. Isto indicaria a tua capacidade para mudar a Verdade acerca de ti, o que provaria que eu estava errado em tudo o que partilhei contigo. Tu não podes mudar a Verdade em ti mais do que podes tornar as ilusões reais. Compreende isto e a resposta à tua pergunta aparecerá por si.

Tu estás a ser VISTO por Deus agora. Aceita esta Dádiva Sagrada. Por que te afastas da Presença Sagrada que nunca se afastou de ti? O pecado da separação nunca foi verdadeiramente cometido, e assim tu permaneces sem pecado tal como foste criado. Eu estou aqui para te recordar disso, e tu estás aqui para me recordares. Assim fazendo, ambos somos salvos.

Diz alto:

Para onde quer que eu vá – encontro Paz. Para onde poderia eu caminhar e encontrar-me a mim próprio, senão onde sempre estive? Eu caminho na busca sabendo que tudo é revelado através de mim agora.

Irmão"

posted by Nela at 08:31 1 comments

quarta-feira, 18 de abril de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 5

A Realidade dá corpo à Realidade: Eu Sou o que Eu Sou.
A Vida dá corpo à Vida: Eu Sou o que Eu Sou.

Jesus:

"O “Eu” que Eu Sou não está separado de ti, o que significa que nós somos Um. É impossível para Um ser dividido, e assim o “Eu Sou” existe através de ti e como tu agora. Dizer que o Eu Sou é a Presença de Deus como ela é revelada constantemente será verdade. Dizer que o Eu Sou é a Verdade dentro de Ti que é constantemente revelada será verdade também. Este curso tem só um objectivo em mente: obrigar-te finalmente a olhares para Ti Próprio como Deus te olha. A Visão de Deus já é tua, se tu abrires os olhos e vires.

Por que é que é mais fácil para ti dizeres: “Eu Sou Um com Deus” em vez de “Eu Sou Deus”? Para o teu ego, “UM” é um conceito, e por isso, é pela sua própria definição separado da Realidade. Tudo o que te posso dizer é que não foste separado da Realidade; então por que é que te consideras separado da Realidade? Também te posso dizer que os teus conceitos têm sido mantidos separados. Soa-te impossível? É e não é. Eles são produtos de uma mente que acredita que a separação é real, e assim, todos os teus conceitos são irreais. Deus não é um conceito e nem tu és. É por isso que Deus te ama tanto, por que o Bem-Amado não pode amar nada que não emirja da Luz

O que emerge da Luz é a Luz. O que emerge de Deus é Deus.

Deus abre a boca e só emerge Luz e tu chamas a essa Luz – “A Verdade”. Por que é que então quando olhas para ti próprio ou para os outros chamas – “Separados da Verdade”?

O ego afasta-se da Luz e projecta uma sombra no chão. Essa sombra é real? Ou é uma manifestação de negação, o acto de virar as costas e olhar numa direcção onde a Luz parece não existir. Não há nenhum sítio onde a Luz não esteja, assim como não há nenhum sítio onde tu não existas.

Tenta não complicar o que não é complicado. O deus que tu persegues não é Deus. Eu Sou Isso, e sei que tu és o mesmo. É assim que eu sei quem Eu Sou, dando-te esta dádiva. A dádiva volta a mim e é tua.

Diz alto:

O que não é real dá corpo a nada.
E o que não nasceu, não vive.
Eu vivo na completude da Eternidade. O tempo não pode conter o que Eu Sou. Não há nada que eu contemple hoje que não reflicta a Perfeição da minha Mente Sagrada.

Irmão"
posted by Nela at 15:58 0 comments

quinta-feira, 12 de abril de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 4

Eu Sou livre e toda a Realidade se move através de mim. O que não é real permanece irreal, e Eu não Sou afectado.

Jesus:

“É impossível reconciliar a visão que Deus tem de ti e a visão que tens de ti próprio. Nem essas visões nunca coincidirão, uma vez que isso as tornaria a ambas reais, e negaria tudo o que te tenho explicado. Para ti parecem coincidir, no entanto, as visões que tens podem ser entendidas em sonhos. Sonhos são símbolos da Realidade, mas nunca são reais. Eles não têm significado uma vez que o acordo que proclamam nunca foi testemunhado por Deus. Cada um deles converge para uma crença do corpo de que um dia morrerá, portanto não têm fundamento.

As ilusões do ego só crescem quando são partilhadas. Quando as pões de lado, elas começam a desaparecer porque não as alimentas com o pão da vida que elas necessitam. Eu tenho vindo a pedir que ponhas de lado tudo o que o ego te ensinou até agora. O que acontecerá se o fizeres? VERÁS a Verdade diante de ti e a reconhecerás como o teu Lar. O conhecimento de Casa está dentro de ti, embora pareças ter esquecido tudo sobre isso. No momento em que OLHARES, lembrar-te-ás e então o teu coração e a tua mente unir-se-ão como uma só Luz, Uma Expressão da tua Sagrada União com o Bem Amado. No momento em que OLHARES, terás consciência de que és Visto. A visão de Deus e a tua unir-se-ão para curar toda a criação, que é o teu propósito Sagrado Agora!

Não há nada que tu possas fazer para parar o Movimento Sagrado que te descrevi. Não tens nenhum poder sobre isso. Esse movimento tem poder sobre ti, embora o tenhas negado. A evidência está escondida e assim não és capaz de ver a Marca Sagrada que foi colocada na tua cabeça antes de nasceres. Abre os teus olhos e VÊ. Desiste deste jogo desnecessário e perceber-te-ás como um Todo.

Diz alto com grande energia:

A minha Liberdade é a minha Realidade. É o que define quem EU SOU. O que me amarra não é real, mas é antes uma sombra da verdade. Eu vivo agora na Luz Aberta e nada está escondido de mim.

Irmão”
posted by Nela at 15:41 0 comments

quarta-feira, 4 de abril de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 3

Aquilo que Eu Sou aparece e não aparece. Move-se sem se mover.

Jesus:

“O que é que em Ti parece estar vivo? É o teu corpo? O teu cérebro? A tua consciência? A combinação disto tudo define quem tu és, ou são efeitos de algo que não vês, uma essência que nem o teu corpo, nem o teu cérebro, nem mesmo a tua consciência pode conceber?

Tu acreditas que és aquilo que é percebido dentro do universo que tu percebes. Por outras palavras, tu decidiste que, por detrás da tua auto-percepção, não há realidade (isto pode não parecer verdade, mas confia em mim, é assim).

Até a tua imaginação imagina que tem um limite, e a possibilidade de algo viver para além do desconhecido parece impossível. Esta é a definição do ego para aquilo que acredita ser real, porque a ideia de que alguma coisa exista para além dos seus conceitos é inacreditável.

Nós estamos aqui para quebrar essas paredes imaginárias, por mais vastas que elas te possam parecer, e revelar o mundo que Deus criou e que é infinito. E quando as paredes se dissolverem e te vires a ti Próprio como realmente és, então saberás que não há lugar nenhum onde tu não sejas, e realidade nenhuma que tu não tenhas criado. Aperceber-te-ás que o deus que pensaste ter criado nunca existiu, enquanto que o Deus não-criado nunca te abandonou. Rejubila neste Conhecimento, Bem-Amado, por que ele é a tua libertação da dor, doença e morte. Dentro desta semente dorme a tua libertação de tudo o que te poderia magoar de alguma forma.

Por que tu escolherias ser algo que não és? A resposta não é óbvia agora? Tu não pode negar algo que amas, enquanto as coisas que receias te empurram e atacam. Tu atacaste o teu EU e, contudo, Ele não foi minimamente atacado. Nos teus sonhos, tu lançaste ataques atrás de ataques contra Aquele que mais amas e, contudo, Ele nunca sentiu a súbita picada da tua seta envenenada. Tu és mantido seguro e protegido dentro das maravilhosas paredes da tua Verdadeira Casa, e não tens receio do que se amontoa lá fora. Isto é o que Tu És, Aquele que o teu Criador Ama, e nada que faças pode mudar isso.

Vive em Mim, então, e Eu revelar-te-ei como vivo em Ti. Eu não morri, e assim também tu não morrerás. Juntos revelaremos a Vida que foi prometida à Unidade e que nunca desaparecerá.

Diz alto, sentindo a verdade destas palavras:

“A conquista da Realidade Existente não me pode fugir – assim como não me pode fugir aquilo que ainda está por vir; ou aquilo que nunca aparecerá.

Isso por que Eu Sou consciente da Eterna Presença no coração dos três. Isso porque Eu também Sou a trindade.

Tento separar o que é inseparável e fico cego. A Realidade, contudo, não é afectada.”.

Irmão”
posted by Nela at 14:29 1 comments

quarta-feira, 28 de março de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 2

Eu Sou aqui Quem Eu Sou. Quem mais Eu poderia Ser?

Jesus:

“Para compreenderes a Mente de Deus, primeiro tens que compreender e experienciar a tua própria Mente. Para compreenderes a tua própria Mente, primeiro tens que compreender e experienciar a Mente de Deus.

Aqui reside a base deste curso. É um curso naquilo que podes considerar a iluminação, que não é mais do que a realização do que é verdade. A Mente de Deus e a tua estão intimamente ligadas e na sua essência são a mesma Mente. Tu tens negado isto, mas Deus não. É por isso que a tua Perfeição se tem mantido protegida e nunca foi afectada pela tua deriva sem significado. Toma consciência disto e tudo irá para o seu sítio naturalmente.

Deus sabe onde estás e quem és, mas tu não sabes. Tu és a Própria Perfeição e tu estás aqui AGORA! Parece que tu perverteste essa perfeição e que vagueias por um mundo de sonhos onde as leis de Deus foram esquecidas. Isto pode parecer verdade na perspectiva do teu sonho, mas isso não o torna real em termos da Realidade Natural. A Realidade é imutável e por isso os teus sonhos não a afectaram em nada. Isso significa que o instante de libertação do sonho é aqui e Agora, que é o mesmo que a tua realização da Iluminação Perfeita. Se nada aconteceu que pudesse alterar a Vontade de Deus para ti, então nada aconteceu. Consegues ver como isto é simples? A tua aceitação desta simplicidade é tudo o que te é pedido.

Diz alto, sabendo que és Um com Deus:

Aquilo que ofereço, não interessa como apareça, é perfeitamente recebido por mim. A minha visão é a mais verdadeira dádiva que me posso dar a Mim, não interessa para onde é direccionada.

Eu olho para a mais pequena partícula: Eu Sou isso!
Eu olho para a mais alta montanha: Eu Sou isso!

Elas são o mesmo e elas estão vivas dentro de mim. À parte da minha Mente Santa, elas não têm existência.

Irmão”
posted by Nela at 15:47 3 comments

terça-feira, 20 de março de 2007

Lições do Mar Morto – Lição 1

Eu Sou aqui onde Eu Sou. Em que outro lugar eu poderia Ser?

Jesus:

“Não há um Deus fora daquilo a que tu aspiras! O Deus que tu imaginas e parece haveres criado não é real, e no entanto, Deus é muito Real. Ele anseia por ti tanto quanto tu anseias por Ele. No centro desta busca é onde encontrarás o teu EU, quem realmente És, para sempre mantido em Perfeição e Amor. Tu não consegues imaginar este Amor, uma vez que tu criaste uma coisa que parece contradizê-lo. Quando tomares consciência que uma realidade contraditória nunca é real, então Saberás quem És. Esse momento é AGORA!

Tu tens tentado manter quem tu és, e fazendo isso, tens esquecido que tu estás constantemente sendo recriado. Neste momento, neste preciso momento, acabaste de nascer, criado perfeito na Mente Sagrada de Deus. O que é recriado é sem pecado, e assim és tu quando reconheces a Verdade do teu EU, a Verdade de que Deus permanece e nunca esquece. AGORA é o momento em que tu lembrarás, e então a Luz aparecerá como Luz, e as sombras aparecerão como sombras, e desaparecerão para sempre na infinita expansão da Eternidade.

Permite que os teus ídolos caiam e se dissolvam. O deus que tu percepcionas é como um ídolo, e enquanto tu insistires que é real, não conseguirás Ver Deus. Neste momento, tu estás a ser Visto, e mesmo assim escolhes a cegueira em vez da Visão Perfeita, e não consegues retribuir a Dádiva que Deus te dá. O que não é retribuído não é experienciado, e assim a Dádiva de Deus passa pela tua consciência como uma nuvem num céu vazio. No entanto, isso não pode durar para sempre, por que tudo o que não é real morrerá, enquanto tudo o que é real permanecerá para sempre. Tu és real e a morte é uma ilusão. O que nasce novamente nunca pode morrer, pois isso está no Contrato que Deus fez contigo antes do tempo começar.

O Ancião está plenamente presente AGORA! Tu vieste comprovar esta Verdade e preencher a Lei Sagrada. O Messias chegou a casa e és TU. Não é preciso esperar, por que finalmente chegaste. Abençoada seja esta hora da tua entrada na Cidade Santa.

Diz alto, devagar e com convicção, sabendo que esse “TU” que está falando é na realidade o Bem-Amado:

Caminhando num mundo que não existe, Eu sinto a perfeição do AGORA! Aquilo que parece mutável é um misto que os meus sentidos se esforçam por controlar e que escapa das minhas mãos fechadas. Quando eu me aperceber do Caminho da Verdade então eu sei onde Eu Sou, e nada me escapará. Eu olho para uma árvore e vejo-a como a Própria Existência. E também a perceberei com a Perfeita Não-Existência. Existência e Não-Existência são o mesmo para mim e assim eu aprendo a conhecer o meu EU.

Irmão”
posted by Nela at 17:21 6 comments